quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Goa a Bahia da India? Nem tanto...


Imaginava poder começar esses post assim: "Goa é a Bahia da Índia. Festiva e repleta de praias lindas, essa terra, também colonizada pelos portugueses, é abençoada por todos os deuses, com céu azul e um sol que extrapola as estações. Tem o sabor do dendê nos temperos locais e promove raves com sotaque cosmopolita. Goa já é um hit turístico, mas, assim como a nossa Bahia, a ilha guarda praias a serem desbravadas por aventureiros de todas as idades, com muito ou pouco dinheiro no bolso. Em Goa, o importante é relaxar", mas depois de 3 dias em Goa devo adimitir que as coisas por lá não são bem assim...

Que o mar é lindo e com uma temperatura perfeita, não tenha dúvidas! Que as praias são cercadas de verde e com um ar de descobrimento, tb. Que vc pode comer carne de vaca e comer uma comida deliciosa sem kilos de pimenta é fácil, e que o calor é intenso com certeza, mas a verdade é que apesar de bonita, pela descrição acima e pelo tanto que já tinha ouvido falar de Goa, espera muito mais. Concordo que ficamos restritos à praias próximas do nosso hotel (Calangute, Candolim e Sinquerim), que na verdade eram uma única e enorme praia que ia trocando de nome. Mas estava esperando bem mais, a começar pelo fato de que, como sabiamos que se transportar de um lugar para o outro ia ser complicado, acabamos optando pela praia (Calangute) que seria a mais conhecida e visitada por turistas e que oferecia estrutura. Bem, que a praia tinha bastante gente era fato, mas a estrutura passou longe... Além de que ainda falta um pouco de consciencia ecológica para os indianos, pois ao caminhar pela praia facilmente se encontrava garrafas de plástico na areia.

Como me disse o Gui "esqueceu que tá na Índia?" Não quero ser preconceituosa, mas é bem isso mesmo. Aqui tem coisas lindas e fantásticas mas tb tem muitos problemas e as pessoas parecem que muitas vezes não se importam com a situação em que se encontram e acabam sempre aceitando a condição.

Obvio que tb nos deparamos com cenas inusitas e opostas, como o fato de os indianos (nem todos, mas boa parte) entrarem de roupa na água, e qdo digo roupa entendam, saris e calça jeans enquanto as europeias faziam topless na areia!!! Além de que aqui qdo vc aluga um jet sky ele vem com motorista!!!!

No geral a viagem foi bem boa (com excessão do probleminha com o protetor que nos tostou mais que o recomendado). Tomamos cerveja gelada, comemos comida boa (nada de dendê e pimenta, mas com direito a carne de vaca!) e curtimos uma mar com uma temperatura surpreendentemente perfeita! Mas na verdade mais do que a beleza e o por no sol (AMO ver o sol de por no mar!), a cena que mais me chamou a atenção é a que estou colocando no video abaixo e que de certa forma retrata bem a realidade indiana com a qual convivo todos os dias.
Resumindo: estavamos no bar tomando nossa cervejinha e curtindo o visual qdo uma mãe com 3 crianças, de cerca de 3, 6 e 9 anos, chegaram e montaram uma corda bamba onde uma das crianças (a menina de 6) ficou se exibindo para ganhar dinheiro em troca. Confesso que independente de ser aqui ou em qq outro lugar do mundo, ver criança trabalhando ao invéz de estudar e brincar me revolta e me faz sentir impotente, embora no Brasil a gente tb veja isso com muito mais frequencia do que gostaríamos, mas corda bamba na praia foi a primeira vez!

video

Nenhum comentário:

Postar um comentário